Nome fantasia para empresas: o que é e como escolher o seu?

Imagem mostra mulher pensando em um bom nome fantasia

Existem muitos dados e muitas coisas a definir quando vamos empreender. Uma dessas coisas é o nome fantasia para empresa. Afinal, é preciso selecionar um na hora de abrir seu negócio de maneira formalizada.

No entanto, é comum ficar com muitas dúvidas em relação a esse elemento. Inclusive, existem empreendedores que ficam semanas tentando encontrar um bom nome fantasia, sem saber exatamente que tipo de designação escolher, quais elementos levar em conta e muito mais.

Quer aprender o que é nome fantasia para empresa e conferir algumas dicas de como escolher um adequado para o seu negócio? Então siga a leitura do artigo abaixo!

O que é nome fantasia para empresas?

O nome fantasia é a designação popular que a empresa recebe. É o nome, portanto, que será usado e repetido pelo público com frequência, mencionado em campanhas publicitárias e em outras ações do tipo. É chamado também de nome comercial ou de registro de marca. 

Para se ter um exemplo do que é o nome fantasia, pense em uma empresa famosa como a Coca-Cola. A empresa é conhecida como Coca-Cola no Brasil, mas o seu nome empresarial é “Coca Cola Industrias LTDA”. Há uma diferença específica entre o nome empresarial, real, e o fantasia, que é a designação social do negócio.

Nome Fantasia x Razão Social

Uma confusão comum que acontece em relação ao nome fantasia é achar que se trata da mesma coisa que a razão social. Na verdade, não são a mesma coisa. Como o exemplo da Coca-Cola mostrou anteriormente, há uma diferença significativa entre ambos.

Pense da seguinte forma:

O nome fantasia é aquele que será usado publicamente perante a sociedade. Será tratado em comerciais, panfletos, estará no site do seu negócio e nas redes sociais. Os clientes usarão esse nome para mencionar o seu negócio. Por exemplo, se você tiver um restaurante, eles dirão “Vamos jantar no X, hoje?”. 

No entanto, a razão social é o nome de registro do seu negócio. Esse nome, também chamado de nome empresarial, é mais formal e usado em documentos legais, contratos, escrituras e outros tipos de documentos oficiais. Ele também é um nome perante a sociedade (já que está em documentos oficiais), mas é tratado apenas em Cartórios ou Juntas Comerciais. Basicamente, é como se o nome fantasia fosse o seu apelido e a razão social fosse o seu nome completo.

Empresas diferentes podem ter o mesmo nome fantasia?

Sim e não. O nome empresarial, comercial, deve ser completamente único para o seu estado e a sua atividade. Por exemplo, pode haver duas lojas “Dois Irmãos LTDA” no Estado de São Paulo, desde que uma delas seja uma loja de roupas e a outra seja de material de construção. No entanto, o nome fantasia é muito mais difícil de ser controlado e, por isso, existem muitas empresas que compartilham o mesmo termo.

Se você quer evitar isso, portanto, o ideal é oficializar o registro da sua marca no INPI para poder garantir que nenhuma outra empresa a usará. É por isso que existem tantas marcas de refrigerante e nenhuma delas usa o nome fantasia de Coca-Cola para tentar “enganar” o público. Além de ser contra lei, essa é uma marca registrada da Coca Cola Industrias LTDA, e somente ela pode explorar essa marca comercialmente.

Como escolher um bom nome fantasia para seu negócio?

Agora que já vimos tudo isso, é hora de aprender como escolher um bom nome fantasia para a sua empresa. Existem algumas dicas para isso? Claro que sim! Veja abaixo uma série de dicas que ajudarão nessa tarefa:

  1. Pense em termos que sejam relacionados ao seu negócio. Por exemplo, um restaurante pode trabalhar com palavras como prato, faca, garfo, colher, panela e outros. Já uma loja de material esportivo tem bola, uniforme, trave, cesta, rede e mais. Ao fazer uma lista de termos relacionados ao seu negócio, fica mais fácil ter inspiração;
  2. Fuja dos seus concorrentes. Evite a todo custo ter um nome parecido com o deles pois isso poderá gerar problemas no futuro;
  3. Opte por um nome fantasia que seja fácil de memorizar, não seja difícil de pronunciar ou de escrever. Lembre-se de que é seu interesse facilitar ao máximo o acesso dos clientes ao seu empreendimento;
  4. Tome cuidado com falsos cognatos ou cacofonia no seu nome;
  5. Cuidado com a pessoalidade no seu nome. É claro que não há problema em adicionar o seu nome pessoal no da sua empresa, mas faça de maneira a não prejudicar a entrada de novos sócios ou expansão do negócio;
  6. Veja a disponibilidade desse nome em registros municipais ou estaduais, além de verificar se existem domínios na Internet disponíveis para você.

E com isso concluímos o nosso artigo. Esperamos que você tenha obtido todas as informações necessárias para entender como funciona um nome fantasia para empresas e tenha aprendido algumas dicas boas para que possa selecionar o do seu negócio. Além disso, esperamos que você tenha se inspirado para finalmente tirar a sua empresa do papel.

Se você precisar de ajuda para formalizar o seu negócio, escolher o regime tributário adequado ou simplesmente enfrentar a burocracia, entre em contato com a gente e saiba como podemos ajudar!

Deixe seu comentário

WhatsApp chat