4 razões para contratar uma contabilidade para PJs

Descubra porque contratar contabilidade para PJs

Existe uma série de profissionais liberais que podem atuar alocados em empresas na posição de Pessoa Jurídica. Nesses casos, os trabalhadores atuam como miniempresas. Por isso, devem lidar com alguns compromissos, como a contabilidade para PJs.

No entanto, não é todo PJ que contrata um serviço de contabilidade para auxiliá-lo. Aliás, é a minoria que conta com apoio contábil para lidar com os seus rendimentos.

Por causa disso, é comum encontrar PJs com problemas financeiros ou dificuldades para se aposentar, mesmo ganhando mais que o trabalhador do regime CLT.

Se você ainda não se decidiu se vale ou não contratar uma contabilidade para PJs, veja as razões a seguir para fazer a sua escolha.

1. A contabilidade para PJs oferece mais segurança

Responda rápido: você, como empreendedor, sabe bem quais são as suas obrigações fiscais e tributárias? Tem cumprido todas direitinho? Não há nenhum risco de receber uma surpresa da Receita Federal?

Se sim, parabéns! Mas saiba que você é uma exceção. A regra, nesse caso, é ter a vida contábil e jurídica em uma situação um pouco mais complicada.

A principal razão para isso é que os profissionais, quando mudam de CLT para PJ, não abandonam os hábitos de empregado e esquecem das suas responsabilidades enquanto empreendedor.

Por esse motivo, é importante contar com o apoio de uma consultoria contábil especializada em PJs, formada por um time que entenda do assunto e saiba quais as armadilhas e principais problemas que os profissionais deste tipo enfrentam.

Isso deixa o profissional mais seguro e evita que ele corra riscos desnecessários que trarão prejuízos financeiros no formato de multas ou impostos excessivos a pagar.

2. O PJ com consultoria ganha mais facilidades

Um profissional liberal é, em outras palavras, uma miniempresa. Digamos, um microempreendedor.

Por causa disso, ele está sujeito a uma realidade muito específica, necessitando de investimentos e controle de fluxo de dinheiro.

Imagine, por exemplo, um desenvolvedor de software que atua como freelance para algumas empresas (ou talvez para uma só). Ele é, em grande parte dos casos, responsável pelo equipamento de trabalho.

Por isso, pode fazer bom uso de um empréstimo de baixo custo para comprar um novo computador.

No entanto, para ter acesso a esse financiamento, é preciso que o PJ se apresente em boas condições financeiras aos bancos de fomento ao desenvolvimento.

Para isso ele deve ter suas contas em ordem e uma situação contábil impecável, de modo a ser aprovado pela análise de crédito da instituição.

Como ele consegue isso? Com o apoio de uma consultoria de contabilidade, que ajudará a colocar suas contas em ordem para conseguir facilidades e financiamentos.

3. A contabilidade para PJs é uma consultoria de mercado

Foi-se o tempo em que o contador era um profissional entediante, munido de uma calculadora e uma planilha no Excel.

É claro que a planilha e a calculadora continuam em ação, mas o papel do contador mudou muito nos últimos anos. Atualmente, ele não é apenas um profissional reativo, que cuida das finanças e dos feitos passados da empresa.

Ele é um profissional proativo, que ajuda a guiar as ações futuras dos seus clientes.

O contador é alguém que conhece muito bem o cenário contábil, possuindo um conhecimento valioso, especialmente no Brasil onde mudanças são realizadas anualmente (como o começo e o fim do eSocial) e onde a carga tributária atrapalha o empreendedor.

Por isso, ter ao seu lado alguém capaz de navegar por esse mar tributário é como ganhar atalhos para chegar ao seu objetivo. O contador pode ajudar na escolha do regime tributário menos oneroso para você, encontrar incentivos fiscais e, como já visto, ajudar a obter financiamentos.

4. A contabilidade para PJs aumenta a produtividade

Normalmente, um profissional liberal ganha pela quantidade de trabalho que consegue produzir. Se ele atender 10 clientes em um mês, receberá “X”; se atender 100, receberá 10 “X”.

Além disso, o PJ também precisa de uma vida social, projetos paralelos, ir à academia, curtir com a família e descansar. Seu tempo é muito precioso e não dá para perdê-lo com qualquer coisa.

Um dos maiores sugadores de tempo do PJ é a contabilidade. Fazer a declaração de Imposto de Renda, controlar a Escrituração Contábil ou lidar com o pagamento de tributos pode consumir muito do tempo desse profissional.

Tempo este que poderia ser melhor usado para atender mais clientes, aumentando sua produtividade e, consequente, seu faturamento.

Por essa razão é interessante contratar uma equipe de contabilidade para lidar com o seu setor contábil, liberando sua agenda para focar no que importa – seu trabalho.

Ufa! Viu só quantas razões diferentes para contratar uma contabilidade para PJs? Ela permite que você aumente sua produtividade, gaste menos com tributos, esteja melhor protegido e consiga crescer na sua profissão. Agora não restam mais desculpas, não é mesmo?

Se este artigo foi útil para você e esclareceu suas dúvidas, compartilhe-o em suas redes sociais e marque os amigos PJs que poderiam se beneficiar deste conteúdo.

Deixe seu comentário